6 de abr de 2016

ELEIÇÃO NA ABCGIL

Joaquim José da Costa Noronha,
mais conhecido como kinkão

Kinkão entra na disputa pela presidência da Abcgil



A calmaria eleitoral na Abcgil chegou ao fim com a entrada de Joaquim José da Costa Noronha, mais conhecido como kinkão, na disputa pela presidência da entidade. A eleição está marcada para o dia 5 de maio, em Uberaba, durante a Expozebu.

Até então as articulações davam conta de apenas o nome de Ângelus Cruz Figueira, de Terras de Kubera, para suceder José Afonso Bicalho. Kinkão registrou sua chapa ontem, dia 05 de abril, na Abcgil, em Uberaba.

Kinkão foi buscar para ser seu vice um nome acostumado com o cargo: Lúcio Rodrigues Gomes, Fazenda Valão do Cedro - Redenção da Serra (SP), que já tinha sido vice-presidente da Abcgil nas gestões de Sílvio Queiroz.

Para administrar as finanças da Abcgil na chapa de Kinkão, o nome escolhido foi do médico Luciano Luzes Borges, Fazenda Badajós, em Uberaba (MG).

Lúcio Rodrigues, candidato a vice-presidente
na chapa do Kinkão, é o dono do touro Vaidoso,
que já liderou o ranking da Abcgil
Foto: Rosimar Silva
Outro que pode voltar à diretoria da Abcgil é Rodrigo Martins Bragança, Fazenda Novo Destino, Aperibé (RJ), no cargo de diretor de Marketing. Por fim, para diretor Técnico a opção foi manter o atual diretor: Anibal Eugênio Vercesi Filho, Fazenda Bela Vista, Guapé (MG).

Sansão

Kinkão, além da simpatia e do jeito simples de quem veio da roça, tem a seu favor o fato de ser o criador do melhor touro da raça até hoje: CA Sansão. Ele é o atual vice-presidente da Abcgil e sempre participou da condução dos destinos da entidade, participando ativamente do sucesso da raça nos últimos 30 anos.

Luciano Luzes Borges,
Candidato a Tesoureiro da Abcgi
l
Foto: Rosimar Silva
Oposição

A oposição na Abcgil não contava com o lançamento de uma chapa da situação e já dava como fatura liquidada a eleição de Ângelus Cruz Figueira, da Fazenda Terras de Kubera, em Uberaba (MG), como presidente da entidade. Ângelus e sua turma pregam a renovação na entidade, alegam que com a atual gestão o gir leiteiro perdeu prestígio e por isso é necessário uma renovação completa, inclusive não aceitaram ninguém ligado à atual diretoria na composição da chapa de oposição “para não contaminar”.

Agora a disputa, pelo jeito, está instalada. Depois de muitos anos haverá disputa na entidade em um momento delicado pelo qual passa o gir leiteiro e a própria Abcgil. Nos bastidores corre a informação de que a entidade está com muitas dívidas e não tem dinheiro para arcar com todos os seus compromissos.

2 comentários:

Unknown disse...

Se ele ganhar aí a raça acaba de vez mesmo... Já está passando da hora do Gir Leiteiro tomar novos rumos e não ficar nessa mesmice de todos esses anos...
Ta na hora de buscar gente nova, mudar a raça, abrir mercado. Abcgil falida, 90% dos sócios insatisfeitos... Chega...

Gir nova era disse...

Se ele ganhar aí a raça acaba de vez mesmo... Já está passando da hora do Gir Leiteiro tomar novos rumos e não ficar nessa mesmice de todos esses anos...
Ta na hora de buscar gente nova, mudar a raça, abrir mercado. Abcgil falida, 90% dos sócios insatisfeitos... Chega...